Como montar um e-commerce partindo do zero?

Como montar um e-commerce partindo do zero?

Com a pandemia e as consequentes mudanças no comportamento dos consumidores, as vendas online cresceram cerca de 27%, o que fez com que o setor aumentasse cerca de 75% já em 2020. Especialistas afirmam que, mesmo com as flexibilizações e o retorno ao comércio físico, o comércio online deve permanecer crescendo.

 

Caso você também queira aproveitar esse boom para expandir o seu negócio e entender como montar um e-commerce partindo do zero, continue a leitura deste artigo.

 

O que é um e-commerce?

Segundo Neil Patel, conhecido guru do Marketing digital, o e-commerce pode ser caracterizado como uma modalidade de comércio onde as compras e vendas são feitas através da internet.

 

Apesar do surgimento muitas vezes parecer datado da década de 1960, é apenas nos anos 1990, com a abertura da internet para o uso popular e comercial, que a ideia de criar uma loja virtual começou de fato a rondar a mente de empresários e empreendedores. 

 

Por que montar um e-commerce?

Assim como a constante procura por compras pela internet, a praticidade é um dos principais motivos para começar agora o planejamento para e-commerce do seu negócio. Isso porque, ao menos no início, não é preciso investir muitas horas para estruturar e comercializar uma quantidade pequena de produtos. 

 

Além disso, por estar disponível de modo online, as plataformas de loja virtual ainda permitem que você atinja um número maior de consumidores, podendo fechar transações com pessoas das mais diferentes regiões do país. 

 

A praticidade e a possibilidade de atingir consumidores de todo o país são algumas das vantagens de se criar uma loja virtual.

 

Outro ótimo motivo para montar um e-commerce é o baixo custo quando comparado ao de empreendimentos físicos. Da mesma forma, a organização de métricas é consideravelmente mais fácil, uma vez que é bastante comum que os programas específicos para receber essas transações já forneçam dados referentes a quem procura os seus produtos.

 

Essas informações muitas vezes se tornam essenciais para que você consiga definir o público-alvo e a persona do seu negócio, aumentando as chances de sucesso de estratégias de marketing digital. 

 

Como montar um e-commerce

Apesar de todos esses benefícios, antes de sair por aí abrindo o seu e-commerce de qualquer forma e em qualquer lugar, é essencial que você estude como criar uma loja virtual e quais as melhores estratégias para o seu negócio.

 

Para te ajudar nesse processo, separamos dicas fáceis e práticas para evitar problemas enquanto você caminha os primeiros passos rumo à concretização da ideia de comercializar os seus produtos pela internet.

 

Faça um planejamento para e-commerce

Independentemente do nicho de mercado, do valor dos produtos e do seu conhecimento sobre e-commerces, o planejamento precisa sempre ser o primeiro passo na hora de abrir um negócio, seja ele virtual ou não. Nessa etapa, você deve definir:

 

  • Os objetivos para investir na venda pela internet;
  • Qual é o mercado em que a sua marca vai atuar;
  • Qual é o público que você deseja atingir;
  • Qual produto você irá vender;
  • Quem serão os seus fornecedores;
  • Onde será feita essa comercialização;
  • Como você vai divulgar esse produto.

 

Apesar de ser uma etapa bastante trabalhosa, é exatamente nela onde você vai definir os caminhos para os próximos pontos até a efetiva abertura do seu negócio online.

 

Defina a estrutura de negócio

Como comentamos anteriormente, é no planejamento que você terá algumas respostas básicas para abrir a sua loja virtual sem grandes problemas. Dentre elas, a definição da estrutura do negócio.

 

Nesse sentido, é essencial que você delimite tanto os aspectos físicos, como produto, estoque e fornecedores, quanto os virtuais, como a criação efetiva do negócio, marketing e divulgação, registro de domínio, meios de pagamento e até mesmo a logística para as entregas.

 

Assim como na primeira etapa, você provavelmente passará algum tempo entendendo quais as melhores opções para estruturar o seu e-commerce. Por isso, sem pressa! Apesar de parecer um passo mais “chato”, ele é fundamental para o sucesso das suas vendas e para que os investimentos feitos gerem lucro.

 

Os primeiros passos para quem quer entender como montar um e-commerce partindo do zero são: planejamento e estruturação.

 

Escolha uma plataforma

Uma das maiores vantagens para empresários e empreendedores que desejam montar o seu negócio virtual atualmente é a quantidade de plataformas disponíveis. Da mesma forma, é muito comum que tantas opções deixem qualquer um bastante confuso.

 

Por isso, deixamos como recomendação a Magento. Criada em 2007 e parte do Adobe Commerce desde 2018, ela pode ser classificada como um sistema open source (ou aberta para qualquer pessoa que tenha conhecimentos de programação), sendo específica para a criação de e-commerces de alta performance. Uma das principais vantagens é a possibilidade de customização, visto que possui diversas extensões pagas e gratuitas.

 

Invista em meios de pagamento

Oferecer mais de uma forma de pagamento pode ser um fator diferencial no fechamento de uma compra. Por isso, pesquise as opções disponíveis na plataforma que você escolheu e, se for possível, deixe mais de uma escolha para o consumidor.

 

Elabore descrições de produtos

Uma das maiores desvantagens de se optar pela venda online é perder o contato, o toque e a “olhadinha” do cliente com o produto em mãos. Para suprir essa falta, é fundamental que você invista algum tempo na descrição dessa mercadoria.

 

Apesar de as questões fundamentais variarem dependendo do mercado, é preciso que você tenha em mente que, quando falamos em e-commerce, esses descritivos fazem toda a diferença no momento em que o cliente está escolhendo se quer arriscar (ou não) comprar algo que não viu pessoalmente. Por isso, não deixe passar nenhuma característica ou informação importante sobre aquela mercadoria.

 

Em casos de lojas virtuais de roupas, por exemplo, é essencial inserir dados sobre a composição do tecido, as cores disponíveis, uma tabela de medidas e, para incentivar a aquisição de outros produtos, elabore um espaço de “você também vai gostar” ou “monte o look”, levando para a página de itens que podem complementar a peça escolhida. 

 

Planeje o unboxing

Pensando na satisfação, recompra e na fidelização, o unboxing pode ser considerado um momento crucial para garantir o sucesso do seu e-commerce. Por isso, escolha com inteligência quais serão as formas de entrega e as embalagens dos produtos.

 

O momento da entrega do produto é fundamental para garantir a satisfação e a fidelização dos clientes.

 

Nesse momento, vale caprichar em embrulhos de papel de seda ou mesmo acrescentar mimos. No entanto, mais importante do que isso, é essencial que a caixa que abriga essa mercadoria resista ao trajeto entre o seu estoque e a casa do consumidor. Exatamente por isso, é imprescindível que você invista em um fornecedor confiável. 

 

Smurfit Kappa Brasil

A Smurfit Kappa Brasil conta com 350 unidades de produção de embalagens de papel em todo o mundo, estando localizada em 23 países da Europa e 13 países nas Américas — incluindo o Brasil. Com opções para os mais diversos segmentos, o foco é garantir o sucesso do seu negócio, unindo ciência, experiência e sustentabilidade. 

 

Para conhecer mais sobre os nossos produtos e serviços, assim como encontrar a melhor solução para a sua loja virtual, clique no banner abaixo:



Search engine powered by ElasticSuite